sábado, 31 de julho de 2010

Segunda feira, dia 2 de agosto, começam as "Tardes de Dionísio"

Programação oficial do primeiro evento 
dos saraus “Tardes de Dionísio"

Dia 2 de agosto de 2010 - segunda-feira
18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco

Direção: Thadeu Peronne 
Assistente de direção: Mazé Portugal
Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles
Coreografia e performances: Inês Drumond e a bailarina Hadiji Nagao.
Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.
Música para a coreografia: Ser tão sertões, de Karla Izidro (do grupo Pangea)
Produção e Organização: Rogério Viana e Douglas Daronco
Exposição de trabalhos da bailarina e artista plástica Julianne Engelhardt.

Casa Hoffmann - Centro de Estudos do Movimento
Rua Claudino dos Santos, 58 - Largo da Ordem - São Francisco
Setor Histórico
(41) 3321-3228
danca@fcc.curitiba.pr.gov.br


Entrada gratuita - Lugares para 60 pessoas

quinta-feira, 29 de julho de 2010

No ensaio, o encontro do teatro, da música e da dança

Inês Drumond e Hadiji Nagao dançam ao som do grupo Pangea


Ensaio da leitura do texto "Nós"
Karla, Natália, Tatiana, Isaac e Gabriela do grupo Pangea

Hoje, na Casa Hoffmann, aconteceu o ensaio geral para a primeira apresentação do Sarau "Tardes de Dionísio" que será realizado na segunda-feira, dia 2 de agosto. No programa, a apresentação do grupo Pangea União Musical, a leitura do texto "Nós", de Douglas Daronco, e a coreografia pelas bailarinas Inês Drumond e Hadiji Nagao.

Foi o primeiro encontro dos músicos e cantoras Karla Izidro, Nati Bermúdez, Tatiana Luiz, Isaac Dias e Gabriela Bruel com os atores Thadeu Peronne, Juliana Leitoles, Mazé Portugal e João Graf. Depois aconteceu o encontro do grupo Pangea com as bailarinas. Havia sido programado que a dança seria desenvolvida em cima de um tema musical gravado, mas durante o ensaio do Pangea o diretor Thadeu Peronne sugeriu que a dança fosse apresentada com a música "Ser tão sertões" de autoria de Karla Izidro com o grupo Pangea. Houve concordância dos participantes. 

O jornalista Rogério Viana, idealizador do projeto "Tardes de Dionísio" comentou que "o Deus Dionísio não é muito exigente e nem precisa que lhe agradem com presentes impossíveis ou oferendas extraordinárias. Para Dionísio, o que é fundamental, é que os que participam de suas celebrações adotem uma postura de comprometimento e de entrega". 

Nesta sexta feira, a partir das 14 horas, será realizado o último ensaio da leitura do texto "Nós".

Ensaios para a apresentação da leitura de "Nós"

Inês Drumond e Hadiji Nagao

Mazé Portugal, João Graf, Eleonora Greca, Juliana Leitoles e Thadeu Peronne
Ensaio dos atores na Casa Hoffmann, ontem

Foram realizados, ontem, na Casa Hoffmann e na sala do G2 do Teatro Guaira, os ensaios dos atores João Graf, Juliana Leitoles, Mazé Portugal e Thadeu Peronne para a leitura do texto "Nós", de Douglas Daronco, e da coreografia pelas bailarinas Inês Drumond e Hadiji Nago. A preparação dos atores e dos bailarinos, bem como dos músicos do grupo Pangea União Musical está acontecendo para a primeira apresentação dos Saraus "Tardes de Dionísio" que acontecerão a partir da próxima segunda-feira, dia 2 de agosto, às 18 horas e que, quinzenalmente, às segundas feiras, serão apresentadas leituras de textos de novos ou inéditos autores, de música e de dança, dentro da temática das peças a serem lidas.

Hoje, a partir das 14 horas, vai acontecer o ensaio geral das apresentações da leitura do texto, da música e da parte coreografada, na Casa Hoffmann, por todos os participantes. Amanhã, os atores realizam o último ensaio da leitura do texto "Nós".

Serviço:



Programação oficial do primeiro evento dos saraus “Tardes de Dionísio"

Dia 02 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco

Direção: Thadeu Peronne 
Assistente de direção: Mazé Portugal
Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles
Coreografia e performances: Inês Drumond e a bailarina Hadiji Nagao.
Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.
Música para a coreografia: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia.
Produção e Organização: Rogério Viana e Douglas Daronco
Exposição de trabalhos da bailarina e artista plástica Julianne Engelhardt.

Mais sobre o evento veja no blog ESTUDOS DE DRAMATURGIA PARANÁ.

Casa Hoffmann - Centro de Estudos do Movimento
Rua Claudino dos Santos, 58 - Largo da Ordem - São Francisco
Setor Histórico
(41) 3321-3228
danca@fcc.curitiba.pr.gov.br

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Na Casa Hoffmann, os saraus "Tardes de Dionísio"

A Casa Hoffmann que é a sede do Centro de Estudos do Movimento, da Fundação Cultural de Curitiba, nos próximos dois meses e a cada quinze dias, vai incluir em suas atividades além da dança, a leitura de textos teatrais e a apresentação de músicos, compositores, cantores e instrumentistas.

Na próxima segunda-feira, dia 2 de agosto, com início às 18 horas, a Casa Hoffmann abre a série de saraus “Tardes de Dionísio”. No primeiro evento vai ser feita a leitura do texto “Nós”, de Douglas Daronco, pelos atores Thadeu Peronne, Mazé Portugal, Juliana Leitoles e João Graf. Peronne faz a direção e conta com a assistência de Mazé Portugal. O grupo Pangea União Musical formado por Isaac Dias, Gabriela Bruel, Nati Bermúdez, Tatiana Dias e Karla Izidro vai apresentar músicas compostas por seus integrantes e, no encerramento do sarau, a coreógrafa e bailarina Inês Drumond apresentará com Hadiji Nagao a coreografia que criou em cima da canção folclórica da Romênia “Istenem, Istenem”, gravada pelo grupo “Terra Sonora” e especialmente cedida para o evento.

Os saraus “Tardes de Dionísio” nasceram de uma sugestão, transformada em projeto, pelo jornalista, autor e produtor teatral Rogério Viana, que foi apresentada e discutida com a bailarina Eleonora Greca, coordenadora de dança da Casa Hoffmann. Viana e Douglas Daronco assinam a produção e organização do evento que terá apresentações nos dias 16 e 30 de agosto e 13 de setembro.

Leitura, música e dança

Foi pensando nos textos de autores – novos ou inéditos como ele próprio - que teriam mais dificuldades de serem mostrados e por não terem um local ou mesmo espaço para que isso pudesse acontecer, que Rogério Viana teve a idéia de criar os saraus “Tardes de Dionísio” e oferecer aos novos autores de Curitiba a oportunidade de mostrarem suas peças de teatro, criando um programa, também, para compositores, cantores e instrumentistas apresentarem suas próprias criações e juntar, no espaço adequado da Casa Hoffmann, uma criação coreográfica de uma de suas formas de dança.

Viana convidou seu ex colega na Oficina de Dramaturgia (SESI Paraná), o professor e autor Douglas Daronco, para que, juntos, organizassem e promovessem os saraus “Tardes de Dionísio”. O projeto foi apresentado junto à coordenação da Casa Hoffmann e aprovado. A programação foi montada e os primeiros textos a serem apresentados serão de Daronco, Rogério Viana, Nana Rodrigues e Eliane Karas. Para futuras leituras os produtores e organizadores já abriram inscrições. Serão aceitos textos, preferencialmente, de novos e inéditos autores. Para a parte musical, os convites foram feitos para grupos, instrumentistas e compositores que poderão mostrar seus trabalhos autorais. A primeira participação será do grupo Pangea. No sarau do dia 16 de agosto vão mostrar suas composições os músicos Isaac Dias (violão e rabeca) e Gustavo Bonin (clarineta) e no dia 30 de agosto, se apresentará a cantora e compositora Hellen Carvalho. Para o evento do dia 13 de setembro os organizadores estão aguardando a confirmação de um jovem compositor curitibano que compõe blues e chorinhos.

Na parte de dança e para os quatro primeiros eventos dos saraus “Tardes de Dionísio”, a coordenadora da Casa Hoffmann, a bailarina Eleonora Greca convidou coreógrafos e bailarinos que executam atividades naquele local ou estejam vinculados a grupos de dança de Curitiba. A primeira participação, na segunda feira, dia 2 de agosto, será de Inês Drumond e de Hadiji Nagao. No dia 16 de agosto, quando acontecerá a leitura do texto “Eu Avec Você”, de Rogério Viana, com Eliane Karas e um ator por ela convidado, será apresentada uma dança de salão pelo bailarino e professor Ronald Pinheiro que vai trabalhar com um tema musical composto para o evento pelos músicos Gustavo Bonin e Isaac Dias. A programação do dia 30 de agosto terá um tema da cantora e compositora Hellen Carvalho coreografado pelo bailarino Rogério Halila. Ailton Galvão será o responsável pela coreografia a ser apresentada no programa do dia 13 de setembro, com tema de compositor já convidado e que não confirmou, ainda, sua participação.

Casa Hoffmann

A Casa Hoffmann é a sede do Centro de Estudos do Movimento, que se destina à exploração de novas estéticas do movimento, sendo um local de referência para artistas e outros profissionais com atuação nas áreas de dança, teatro, artes plásticas e educação. As atividades contam com a infraestrutura necessária ao desenvolvimento artístico, apoiadas em biblioteca, videoteca e cursos ministrados por artistas e pensadores renomados, com abordagem de temas variados, entre eles a crítica da dança, estética, filosofia e design cênico.


Serviço:

Programação oficial do primeiro evento dos saraus “Tardes de Dionísio"

Dia 02 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco

Direção: Thadeu Peronne 
Assistente de direção: Mazé Portugal
Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles
Coreografia e performances: Inês Drumond e a bailarina Hadiji Nagao.
Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.
Música para a coreografia: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia.
Produção e Organização: Rogério Viana e Douglas Daronco


Casa Hoffmann - Centro de Estudos do Movimento
Rua Claudino dos Santos, 58 - Largo da Ordem - São Francisco
Setor Histórico
(41) 3321-3228
danca@fcc.curitiba.pr.gov.br

terça-feira, 27 de julho de 2010

Ensaio geral das "Tardes de Dionísio", na quinta, dia 29

Pangea União Musical
Thadeu Peronne e Mazé Portugal

Thadeu Peronne, Juliana Leitoles, Mazé Portugal e João Graf

Quinta-feira, dia 29 de agosto de 2010, vai acontecer no período das 14 às 16 horas na Casa Hoffmann, o ensaio geral do primeiro evento Saraus "Tardes de Dionísio", que abre a série na segunda-feira, dia 2 de agosto, às 18 horas, com a leitura do texto "Nós", de Douglas Daronco, e que terá apresentação de músicas pelo grupo Pangea União Musical e com apresentação de coreografia pelas bailarinas Inês Drumond e Hadiji Nagao sobre a gravação "Istenem, Istenem", do grupo Terra Sonora.

O formato dos Saraus "Tardes de Dionísio" é uma possibilidade de juntar, num mesmo programa, a leitura de um texto teatral, com a música e com a dança. Os textos também a serem lidos nas outras três datas agendadas são de novos e/ou inéditos autores e o evento é uma oportunidade para que o trabalho da escrita dramatúrgica tenha como ser mostrado e se torne conhecido não apenas pela classe teatral, mas pelos vários segmentos da sociedade e do mundo das artes curitibano.


Programação oficial do primeiro evento dos "Saraus Tardes de Dionísio"

Dia 02 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco

Direção: Thadeu Peronne 

Assistente de direção: Mazé Portugal
Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles
Coreografia e performances: Inês Drumond e a bailarina Hadiji Nagao.
Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.
Música para a coreografia: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia.
Produção e Organização: Rogério Viana e Douglas Daronco

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Pangea divulga músicas do Sarau "Tardes de Dionísio"

Pangea: Isaac Dias, Tatiana Luiz, Karla Izidro, 
Gabriela Bruel e Natalia Bermúdez
(foto divulgação)

O grupo Pangea União Musical que vai se apresentar na abertura dos Saraus "Tardes de Dionísio", na leitura do texto "Nós" de Douglas Daronco, dia 2 de agosto de 2010, às 18 horas, na Casa Hoffmann, mostrará estas músicas, todas composições de seus integrantes:

Baião de Segunda, de Gabriela Bruel
Arvorecer, de Karla Izidro e Isaac Dias
Ser tão sertões, de Karla Izidro
Não sei do Verde, de Isaac Dias
No Balanço do tempo, de Natália Bermúdez

O grupo Pangea é composto por Gabriela Bruel, Tatiana Luiz, Natália Bermúdez, Karla Izidro e Isaas Dias.

Conheça o trabalho do Pangea no MySpace.






A programação oficial do primeiro evento dos "Saraus Tardes de Dionísio" foi definida assim:

Dia 02 de agosto – 18h00
Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco




Direção: Thadeu Peronne 
Assistente de direção: Mazé Portugal
Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles
Coreografia e performances: Inês Drumond e as bailarinas Julianne Engelhardt e Hadiji Nagao.
Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.
Música gravada: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia.
Produção e Organização: Rogério Viana e Douglas Daronco

Eliane Karas fará a leitura de "Eu Avec Você"

Programa inicial do dia 16 de agosto na Casa Hoffmann

A segunda leitura dramática que será realizada dentro do programa Saraus "Tardes de Dionísio", na Casa Hoffmann, no dia 16 de agosto de 2010, às 18 horas, é a do texto "Eu Avec Você", do Rogério Viana, que foi escrito no final do ano passado.

O autor entregou o texto para Eliane Karas antes dela viajar para Paris e, ao retornar, no começo do ano, Eliane manifestou interesse em montar o texto. O assunto ficou pendente e quando teve a ideia de promover leituras dramáticas de textos de autores novos e/ou inéditos e montou o projeto dos saraus "Tardes de Dionísio", Rogério Viana convidou Eliane Karas para participar da leitura do seu texto, e que seria uma forma de avaliar o texto e sua efetividade num palco.

Ao aceitar o convite para a leitura, Eliane Karas pensou em alguns amigos atores que tem e, dentre eles, focou seu convite no consagrado e premiado ator, diretor e produtor teatral, Áldice Lopes, que está participando de eventos no Festival de Dança de Joinville e que ficou de confirmar sua participação em breve.

O texto


A peça "Eu Avec Você" é apresentada com dois monólogos paralelos proferidos pelos personagens Gabriel, um autor de meia idade que mora numa grande cidade ao sul da América Latina e por Susana, uma autora de origem argentina que mora em Paris. Os dois personagens que são autores narram episódios de suas vidas e dialogam com dois personagens que aparecem em suas trajetórias e em seus próprios escritos. Há, nos dois monólogos paralelos que não são dialógicos entre si, um fato, um acontecimento, um episódio que pode ser comum ao que eles contam.

No prólogo do texto, o autor escreveu:


Eu Avec Você

O fuso horário entre Brasil e França apresenta uma diferença de 3 horas. Quando aqui são 11h00, lá já são14h00. Quando estamos iniciando o almoço, lá eles já almoçaram. Quando vamos dormir, eles já estão em sono profundo. Quando acordamos, eles já estão em plenas atividades do seu dia a dia. Estamos sempre atrás dos franceses no que estamos fazendo. São três horas de diferença no fuso horário. Aqui é mais cedo, lá é mais tarde. Aqui tudo para fazer, lá as coisas já foram feitas. Tantas diferenças, três horas apenas. Lá em Paris, aqui, ao sul da América Latina e em outros lugares o tempo não para. Avança. O tempo se mistura, independe do fuso – uma formalidade técnica. Os personagens, dentro ou fora de seus fusos espaciais, temporais, sempre encontram caminhos para uma comunicação que não se dá, muitas vezes, apenas pela palavra. Se comunicar é se aproximar, mesmo distantes, improváveis, impossíveis e utópicos, alguns encontros acontecem mesmo sobre uma folha de papel, ou várias. Apenas lá. Desligue o ventilador e fechem as janelas. Os ventos, ah, os ventos...



Música e dança

Rogério Viana escreveu o texto em quatro andamentos, pontuando o que seriam seus atos, com citações de títulos ou de parte de letras de músicas.Estas citações substituem a numeração dos atos ou quadros da peça. Na primeira parte, o autor cita uma canção de Rita Lee - Longe daqui, aqui mesmo. É uma referência ao fato dos personagens estarem em lugares distintos e separados por um tempo e um fuso horário que os aproximam. A segunda citação, fala da amizade dos dois personagens com amigos que aparecem nos monólogos. É feita a citação da canção "Amigos", de Roberto e Erasmo Carlos. A terceira citação, tem referência ao personagem de origem argentina e o que é evocado é o bolero "Dos Almas" (Duas Almas) de Don Fábian. E, na quarta referência, vem a bela canção francesa "Ne Me Quitte Pas", de Jacques Brel.

Em cima dessas referências, os músicos Gustavo Bonin e Isaac Dias (clarinete e violão), vão apresentar composições próprias antes da leitura e, para a parte final, quando será apresentada a coreografia de uma dança de salão por dois casais (seriam Gabriel e Susana e Catharina e Martin, personagens do texto?), Bonin e Dias se desafiaram a apresentar uma composição inédita inspirada no texto e na proposta dramatúrgica que a peça apresenta. A dança de salão terá a coreografia do bailarino e professor Ronald Pinheiro, que ministra aulas em academias de dança de salão de Curitiba e também na própria Casa Hoffmann onde o texto será lido no próximo dia 16 de agosto, num final de tarde, às 18 horas.

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Os ensaios da leitura de "Nós"

Thadeu Peronne, Juliana Leitoles, Mazé Portugal e João Graf

Os atores Thadeu Peronne, Juliana Leitoles, Mazé Portugal e João Graf realizaram, na tarde de quarta-feira, o segundo ensaio da leitura da peça "Nós" de Douglas Daronco e que será a primeira peça a ter leitura dramática no evento "Saraus Tardes de Dionísio", no próximo dia 2 de agosto, às 18 horas, na Casa Hoffmann, em Curitiba. A direção da leitura é de Thadeu Peronne e Mazé Portugal faz a assistência de direção.

A programação oficial do primeiro evento dos "Saraus Tardes de Dionísio" foi definida assim:

Dia 02 de agosto – 18h00



Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco
Direção: Thadeu Peronne
Assistente de direção: Mazé Portugal
Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles
Coreografia e performances: Inês Drumond e as bailarinas Julianne Engelhardt e Hadiji Nagao.
Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.
Música gravada: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

"Nós" no primeiro Sarau "Tardes de Dionísio"


Programa oficial do primeiro Sarau
"Tardes de Dionísio" na Casa Hoffmann



Dia 02 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco
Direção: Thadeu Peronne, com assistência de direção de Mazé Portugal
Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles
Coreografia e performances: Inês Drumond e as bailarinas Julianne Engelhardt e Hadiji Nagao
Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz
Música gravada: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia e com a voz de Liane Guariente.


Ouça o grupo Pangea União Musical no MySpace.

sábado, 17 de julho de 2010

Primeiro ensaio da leitura de "Nós"

Douglas Daronco, Juliana Leitoles e Mazé Portugal (foto Rogério Viana)

Thadeu Peronne e João Graf (foto Rogério Viana)

Douglas Daronco, Juliana Leitoles eMazé Portugal (à esquerda),
Rogério Viana,
João Graf e Thadeu Peronne (à direita)
(fotoVera Carvalho)

Foi realizado, ontem, o primeiro ensaio do texto "Nós", de Douglas Daronco, que será a primeira peça a ter leitura dramática no evento "Saraus Tardes de Dionísio", no próximo dia 2 de agosto, às 18 horas, na Casa Hoffmann, em Curitiba.

Participaram da leitura os atores Thadeu Peronne (que também dirige a leitura), Mazé Portugal (assistente de direção), Juliana Leitoles e João Graf.

A programação oficial do primeiro evento dos "Saraus Tardes de Dionísio" foi definida assim:

Dia 02 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco

Direção: Thadeu Peronne

Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles

Coreografia e performances: Inês Drumond e as bailarinas Julianne Engelhardt e Hadiji Nagao.

Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.

Música gravada: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia.

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Pangea está no "Tardes de Dionísio" dia 2 de agosto

Pangea União Musical participa das "Tardes de Dionísio"
(foto de divulgação)

Ficou definida hoje a participação do Pangea União Musical, grupo formado por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.

Pangea é a união de músicos que, em sua trajetória pessoal, tem como fonte de pesquisa e inspiração a música étnica e popular. Os músicos, antes de batizar o grupo de "Pangea União Musical", reuniram-se para montar o show "Ser tão Sertões e MarEareia" como projeto para a FAP - Faculdade de Artes do Paraná. Foi durante os ensaios que eles perceberam a grande afinidade sonora que tinham e resolveram seguir adiante, de pés descalços e caminhando por esse chão batido atrás da música que tem, para eles, "gosto da Terra".

Mais sobre o grupo Pangea, visite o link.

Programa oficial do primeiro sarau das "Tardes de Dionísio"

Dia 02 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco

Direção: Thadeu Peronne

Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles

Coreografia e performances: Inês Drumond e as bailarinas Julianne Engelhardt e Hadiji Nagao.

Música ao vivo: Pangea União Musical, formada por Gabriela Bruel, Isaac Dias, Karla Izidro, Natalia Bermúdez, Tatiana Luiz.

Música gravada: Terra Sonora, faixa especialmente cedida por Plínio Silva – Istenem, Istenem, ancestral música folclórica de origem húngara, tradicional na região da Transilvânia, na Romênia.

quinta-feira, 15 de julho de 2010

"Nós", uma sinopse por Thadeu Peronne

Programa inicial dos Saraus "Tardes de Dionísio"

A peça teatral "Nós", de Douglas Daronco que abre a série Saraus "Tardes de Dionísio", no próximo dia 2 de agosto, na Casa Hoffmann , poderia ser caracterizado como um drama psicológico onde a ação dramática se passa em torno de Amélia e sua fixação pela maternidade.

Os devaneios de uma uma mulher pela obsessão maternal e sua relação com o mundo real.

Dividido em três cenas curtas ou atos, a peça traz a inquietude maternal de uma mulher, que após perder a filha num parto, segue pela vida com sequelas psicológicas e físicas.

O texto trata desta relação, mãe, filho, família,traição,dor, desespero e também do que pode ou não nos acontecer acerca dos acontecimentos dramáticos da vida.As relações dentro do núcleo das famílias bourguesas.

Amélia, Sérgio, Mariana e Ricardo, quatro personagens e suas complexidades num espaço temporal e atemporal para colocar estas questões ao público.

A que ponto podemos chegar mergulhados na culpa?

Thadeu Peronne, ator e diretor da leitura

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Programa dos Saraus "Tardes de Dionísio"

Mazé Portugal (foto divulgação)

João Graf (foto divulgação)

Thadeu Peronne (foto Lu Gomes)

Scheila Foltran (foto Kid Azevedo)

Nana Rodrigues (foto Willian Cairo)

Bel Fernandes (foto Marco Novak)

PROGRAMA INICIAL

Dia 02 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Nós” de Douglas Daronco

Atores: Thadeu Peronne, Mazé Portugal, João Graf e Juliana Leitoles

Coreografia e performances: Inês Drumond e as bailarinas Julianne Engelhardt e Hadiji Nagao

Dia 16 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Eu Avec Você” de Rogério Viana

Atores: (convidados, aguardando confirmação)

Coreografia e performances: Ronald Pinheiro, Rafael Vieira, Maíra ... e ...(aguardando confirmação)

Dia 30 de agosto – 18h00

Leitura do texto “Não mais um dia comum ou o tempo em que éramos felizes ontem” de Nana Rodrigues

Atrizes: Bel Fernandes, Nana Rodrigues e Scheila Foltran

Coreografia e performances: bailarinos Carlos Cavalcante e Rogério Halila


A programação do dia 13 de setembro está em fase de definição de autor, atores, coreógrafos e bailarinos.

"Nós", texto de Douglas Daronco na primeira "Tardes de Dionísio"

Eliane Karas, Nana Rodrigues e Douglas Daronco terão leituras
de seus textos nos Saraus "Tardes de Dionísio"

A primeira leitura dramática dos Saraus "Tardes de Dionísio" que acontecerão na Casa Hoffmann será o texto "Nós" de Douglas Daronco e vai acontecer no dia 2 de agosto de 2010, segunda feira, a partir das 18h00.

O programa vai contar com apresentação musical e dança, com coreografia focada na temática da peça. Os nomes dos músicos, coreógrafo e dançarinos serão informados brevemente.

Os personagens serão interpretados pelos atores Mazé Portugal (Amélia), Thadeu Peronne (Sérgio), João Graf (Ricardo) e Juliana Leitoles (Mariana). Thadeu Peronne vai dirigir a leitura e contará com a colaboração de Mazé Portugal. Eles são antigos parceiros e trabalham com a Companhia "Serial Cômicos", com produções iniciadas em 2004 em Curitiba e São Paulo.


Paulistano radicado em Curitiba há 16 anos, Douglas Daronco é formado em Artes Visuais e com diversos cursos nas áreas de arte visuais, teatro e dramatugia. É integrante do Núcleo de Dramaturgia do SESI/PR e professor da rede estadual, onde realiza projetos de arte educação.

Abaixo, uma pequeno trecho do texto de Douglas Daronco:

(...)

Mariana - Às vezes eu tenho essa sensação. Como se houvesse algo nos unindo. A senhora sempre adivinhou meus desejos, sempre me deu aquilo que eu queria, as roupas, os brinquedos... Talvez eu não quisesse mesmo me separar de você. A vida tem tantos mistérios...

Amélia - Sim, muitos mistérios. Mas não vamos pensar nisso agora, faz tanto tempo. O importante é que estamos vivas, juntas!

Mariana – Isso! Vamos falar das boas coisas de nossos dias.

Amélia - Gostaria de poder passear mais com você. Sei o quanto gosta de ver lojas, escolher roupas...

Mariana - E por falar em roupa, tenho que colocar uma bem bonita. O Ricardo vai passar daqui a pouco para irmos ao cinema.

Amélia - Ah, filha. Que bom! Sabe que eu gostei muito desse rapaz, tão sério e trabalhador. E parece que gostou de mim também... É tão difícil hoje em dia um genro gostar da sogra!

Mariana - Uma sogra como a senhora não é difícil de gostar...


(...)


A programação dos Saraus "Tardes de Dionísio" é uma idéia sugerida para a coordenação da Casa Hoffmann pelo jornalista, autor e diretor de produção teatral Rogério Viana e o projeto está sendo desenvolvido por ele e pelo professor e autor teatral Douglas Daronco e ambos farão a curadoria dos textos a serem lidos. Na parte coreográfica, a curadoria será de Eleonora Greca, que coordena essa área na Casa Hoffmann.

Próximas leituras

A programação terá, no dia 16 de agosto de 2010 (18h00), a leitura do texto "Eu Avec Você" de Rogério Viana; no dia 30 de agosto, será lido texto de Nana Rodrigues e no dia 13 de setembro, Eliane Karas vai poder mostrar um novo texto seu.

A produção e curadoria dos Saraus "Tardes de Dionísio" estão convidando músicos, atores,diretores, coreógrafos e dançarinos para as três próximas apresentações do evento.

A partir da terceira apresentação da primeira série dos Saraus "Tardes de Dionísio", após o dia 30 de agosto, os curadores e produtores vão receber inscrições de autores novos e/ou inéditos, bem como de diretores, atores e atrizes, músicos, instrumentistas, coreógrafos e dançarinos interessados em participar do evento nos futuros programas.


O evento conta com o apoio de Trento Comunicação Integrada e da Companhia de Teatro "Serial Cômicos".

Contatos podem ser feitos através do e-mail:

tardesdedionisio@gmail.com

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Inscrições para interessados nas "Tardes de Dionísio"

O largo da Ordem e, ao fundo, a Casa Hoffmann

"Tardes de Dionísio" - leituras dramáticas, música e dança num só programa


Nos próximos dias serão abertas as inscrições para novos projetos que cobrirão futuras programações de dois meses. Os autores de teatro poderão solicitar participação, indicando qual será seu texto a ser lido nos futuros saraus, podendo indicar, se for do seu interesse, músicos, cantores, cantores, arranjadores e os títulos das músicas que possam ter alguma relação com a temática da peça teatral. Após a apresentação dos projetos e sua aprovação pelos organizadores, promotores e produtores, haverá o encaminhamento do tema e conteúdo das obras dramatúrgicas e também das músicas que foram escolhidas, para grupos de dança que, por sua vez, formularão uma coreografia para elas.

Contatos pelo e-mail

tardesdedionisio@gmail.com

Saraus serão "ensaios abertos" de teatro, música e dança


Todos os participantes dos programas Saraus “Tardes de Dionísio” se apresentarão de forma gratuita, colaborando no sentido de difundir as várias modalidades de arte envolvidas nas apresentações no espaço da Casa Hoffmann.

O evento tem o caráter de "ensaio aberto" e um máximo de 70 pessoas poderão assistir gratuitamente cada sarau. Os ensaios de futuras encenações e montagens teatrais, musicais e de dança serão na forma de leituras dramáticas, apresentações de músicos, cantores, instrumentistas, compositores, arranjadores e de grupos de dança em suas variadas formas, na experimentação e na pesquisa do movimento.